INSPIRADOR OU CARRASCO

Consultoria & Mentoria para Pequenos Negócios

INSPIRADOR OU CARRASCO

janeiro 5, 2020 Liderança 0

Se você fosse construir uma casa, começaria (ou deveria começar) pela planta baixa. Isso se mostraria útil, porque iria conter mais do que as instruções sobre como construir a casa, mas também descreveria a casa pronta.

Mas, o que isso tem a ver com liderança? Se você pudesse reunir e conversar com alguns líderes (o que eu já fiz por você.), e pedisse que te dissessem as características de um “líder ideal”, provavelmente você ouviria:

É um bom ouvinte; tem entusiasmo; paixão; mostra apreço; é visionário; serve de inspiração; é confiante; tem integridade; é organizado; é conhecedor das funções que lidera; tem credibilidade; é persuasivo; é carismático; formador de equipes; tem clareza de propósito; solucionador de problemas; é proativo; lidera por exemplo; tem paciência ; disposto a agir; entende os liderados; sabe delegar; é consistente; capacita as outras pessoas e se adapta às mudanças.

Ufa!!! Provavelmente você deve estar queimando a cuca, pensando que é preciso muita coisa para ser um bom líder.

Essas respostas sempre se repetem quando faço essa pergunta. Daí veio algumas ideias.

1) OBSERVE O QUE CONTÉM NA LISTA:

Todas essas características estão relacionadas ao lado humano da liderança. Isso é interessante porque muitas vezes ouço as pessoas minimizarem esse lado da liderança com termos como: "suave" ou "sensível ao toque". Um líder com uma pegada mais permissiva, mas na verdade, a aplicação dessas características requer mais força do que aparenta. O Líder do futuro é um "Líder Humano” e entender isso é um diferencial de mercado.


2) OBSERVE AGORA O QUE NÃO CONTÉM NA LISTA:

Ausente nesta lista (e em todas as listas de outros programas) estão características como: Sério, de temperamento brusco, vingativo, duro, irado, punitivo, controlador, prepotente, vaidoso, violento e implacável. Isso é interessante porque muitas representações populares de liderança enfatizam pelo menos uma dessas características "difíceis". De fato, essas características são refúgios daqueles que não têm força (ou habilidades) para aplicar o lado humano da liderança.

E você? Como você se classificaria como líder? Você se compara com a lista de características positivas ou negativas? Se você realizasse um FEEDBACK 360° (processo utilizado em muitas empresas para avaliar e melhorar o desempenho do colaborador) com seus liderados, como eles descreveriam sua liderança? Eles listariam características da lista "positiva" ou da lista "negativa"? Você poderia se tornar mais eficaz aprimorando alguma das suas características? E os outros líderes da sua organização? Eles realmente valorizam e maximizam o potencial humano?

As pessoas querem líderes que as tratem com genuína compaixão, cortesia e respeito. Elas querem líderes que as ajudem a ter mais sucesso. Elas querem líderes que as inspirem com uma visão para um mundo melhor e mostrem a elas como chegar lá.

Até o próximo artigo e nos encontramos no Topo!


by Coach Gilson Souza

Mestre em Saúde Mental | Psicanalista | Graduado em Pedagogia | Graduado em Gestão de Recursos Humanos | Master Coach Trainer | Analista de Perfil Comportamental | MBA em Gestão Estratégica de Pessoas

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *